menu

Image Map

26/10/2017

Resenha | Editora Sinna | O Jogo do Enganador- Danilo Queiroz

COMPRA | SINOPSE
Sabe aquele livro que depois que você termina o abraça agradecendo o autor por tê-lo surpreendido? Então, assim foi com "O jogo do enganador", do Danilo Queiroz. O livro foi concedido pela Sinna, editora parceira do blog, e foi uma surpresa maravilhosa.

Daniel Meirelles é um jornalista que me cativou desde o começo. Às vezes vacilei acerca dos meus pensamentos sobre ele, me perguntando se ele era mesmo tão brilhante a ponto de ser o protagonista, mas à medida que lia, descobri que ele é, na verdade, humano, humano e brilhante. 

O jornalista da Gazeta de Ribeirão Freire é um rapaz de 25 anos de  idade e de boa aparência, mas é constantemente perseguido, pois, devido às suas investigações, graças ao cargo de consultor externo da polícia da cidade, ele ganha muitos inimigos, todos doidinhos pra ter a cabeça do jovem. Mas essas ameaças não são suficientes para fazer o rapaz parar, são como combustível para ele, pois suas veias estão revestidas de desejo de justiça. 

Nosso protagonista é apaixonado pela detetive Clara Andrade e divide suas aventuras investigativas com o melhor amigo e detetive Maxwell Schneider, filho do delegado Leonardo Schneider, que está se aposentando e deixando o cargo nas mãos do implicante Félix. Quando consegue uma grande façanha -prender o prefeito Luiz Cláudio Barros por desvio e lavagem de dinheiro, algo que já acontecia desde que sua família entrara no poder, há 20 anos, é como desatar um laço de uma caixa que contém muitas surpresas (ruins, diga-se de passagem).


A partir desse episódio e com a morte de Leonardo Schneider, Max e Daniel, sedentos de vingança e justiça, começam a fazer investigações para descobrir sobre uma série de crimes que vem ocorrendo na cidade de Ribeirão Freire. Eles descobrem que há muito mais do que as coisas aparentam. Luiz Barros não agia só, tinha aliados com crimes muito mais pesados e que estão atacando sem dó nem piedade, tudo a mando de um tal IB, em volta de quem a trama se desenrola. Mas quem é ou o que é esse IB? Uma pessoa? Um grupo?

A narrativa vai se desenvolver na busca de resposta a essas perguntas, uma narrativa cheia de suspense, manchada de sangue e muita coragem. Infelizmente nem todos viverão para descobrir a cerca dessa sigla misteriosa, mas Daniel não para, tampouco Max, que sabe que a morte do pai não foi somente uma tentativa de assalto, foi um homicídio planejado e eles estão dispostos a revelar a cara do assassino.

A escrita do Danilo é cativante, objetiva, viciante, com descrições que nos faz mergulhar no cenário e ansiar para descobrir tudo. Quando você menos pensa, está investigando, conjecturando, fazendo cálculos de quem possa estar por trás dos crimes tão conectados, porque o leitor desse livro não é um leitor passivo, mas ativo, que não consegue simplesmente ler, ele também investiga, analisa e pode ser facilmente enganado (sempre sou em livros desse gênero, hahaha). E quando o mandante de tudo se mostra e você pensa: "ah, sério? Que previsível!", é aí que você será ludibriado, assim como aconteceu com Daniel. O assassino não tem rosto, nome ou endereço; ele pode estar o mais perto do que imaginamos, mas as pistas são afastadas e começamos a acusar a todos, esquecendo que esse é o JOGO DO ENGANADOR. 

Esse livro me surpreendeu e agradeci ao Danilo pelo tapa na cara. O final realmente me surpreendeu.  ❤ O livro é lindo, gente, assim como as edições dessa editora maravilhosa. Tem páginas amareladas, letras confortáveis aos olhos e esse detalhe nos capítulos. Achei alguns erros, mas são poucos e não atrapalham em nada a leitura.

Compra: AQUI
Classificação:
🕮🕮🕮🕮🕮
Autor: Danilo Queiroz
Editora: Sinna
Ano: 2016
Páginas: 202

Conheçam a editora nas redes sociais clicando nos ícones abaixo:

      

Um abração e até a próxima, se Deus quiser. ^^)

6 comentários:

  1. OOOOOOI

    achei maravilhosa a sinopse e a capa é daquelas que me chama a atenção.
    Sou fã do gênero do livro e fiquei bem curiosa.

    beijo
    www.beinghellz.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiiiii
      Não é? A sinopse e a capa são maravilhosaaas. E o livro é muito bom mesmo. Vale a pena dar uma chance.

      Beijooos

      Excluir
  2. Eitaaaaa, já sofri com as mortes e nem conheço os personagens ainda ! hahaha
    Eu tb sou sempre enganada nesses livros, mas a gente gosta dessas surpresa né?! :D

    osenhordoslivrosblog.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha, não é?! Super tensa a coisa. Siiim, no fundo gostamos de ser enganados ou vamos achar o livro muito previsível se as coisas seguirem o rumo que mostram.

      Beijoos

      Excluir
  3. Amei a resenha. Não sou muito fã de narrativas de suspense e mistério, pois prefiro romance kkk
    Entretanto, tenho curiosidade de ler esse livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha, também gosto de romance, mas o gênero desse livro é um dos meus preferidos.
      Vale muito a pena lê-lo, Rebeca. Recomendo mesmo.

      Beijoooos

      Excluir

Olá! Seja muito bem-vindo a este espaço, que é nosso! Se seguir o blog ou se comentar, deixe seu link para que possamos segui-lo e retribuir a visita. Ao deixar seu comentário, clique em "Notifique-me" para podermos conversar; são bem-vindas críticas construtivas, mas não xingamentos.
Um abração!

© ♥ Eu Sou Um Pouco De Cada Livro Que Li ♥ - 2016. Todos os direitos reservados.
Designed by: Amanda Hauanne e Mirelle Almeida. Cabeçalho by: Edu Anjos.
Tecnologia do Blogger.