menu

Image Map

18/02/2016

Resenha | Minha vida contada em poesia- Ananza Figueiredo



"Por favor, mantenha o silêncio, contarei minha vida em forma de poema.
Que fala de morte, fala da vida, conta de mim e de você,
Chora por este mundo perdido,
Conta de um céu que existe,
E de um inferno que acredita em você.
Nesse momento você já deve, ou deveria estar se perguntando:
“De que se trata o livro?”
Eu te digo:
De uma menina tratada por Cristo…
Um genuíno amor!
Anjos e demônios que pelejam pra valer…
Emoção sem ficção,
Uma missão!
Fazer você crer, ou ao menos querer conhecer…
Um Deus que te fez para vencer!
E Quer muito que saiba:
Que não estamos sozinhos,
Que nosso sonho é possível,
Que cada respiro é incrível,
Que somos todos um milagre Divino.
Saber que o verdadeiro amor tem mais espinhos do que pensava ter,
Que não existem coincidências, pois tudo já foi escrito para você.
Que o seu melhor dia é aquele em que se tem a oportunidade de contornar o erro,
É hoje, você pode mudar!
E que seus amigos e suas convicções serão consideravelmente menores…
Assim que terminar de ler."

Ananza Figueiredo

O livro é composto por versos e reflexões que contam a história de Ananza e é dividido em três partes, se comparando ao ciclo da borboleta: "A LARVA", onde a autora vai abordar seu momento de crise, sua cegueira espiritual. É justamente por isso que nos vemos envoltos a palavras, a poemas, que vão enfatizar essa fase da vida dela. São poemas mais pesados, céticos, questionadores, deprimentes; "SAINDO DO CASULO— NO PROCESSO DE RENOVAÇÃO DA MENTE", aqui Ananza conta de como Jesus foi lhe resgatando, lhe abrindo os olhos e lhe mostrando a Verdade. Começa-se uma nova fase. Fase de súplicas, de Primeiro Amor, de perdão, e é isso que seus poemas e reflexões declaram, vão mostrar sua mudança banhada em lágrimas de arrependimento; "A BORBOLETA— O CUMPRIMENTO DA PROMESSA", que trata do amor, do cuidado de Deus para com sua vida e em como ela, a Ananza, conseguiu vencer um mundo de pecados que todos os dias batia em sua porta, em como Jesus a transformou para uma vida que Ele almejava para ela, assim como um Pai amoroso e cuidadoso.

A narrativa é bem fluída e corrida, só parando um pouco na parte das reflexões, onde a autora vai explicar e abordar algumas questões.

O que no início era uma busca por interesse se tornou, à medida que ia tendo experiências com Deus, uma doação, um abrir mão, uma renúncia. Aos poucos, Ananza renunciava o que não lhe fazia bem para deixar que entrasse em sua vida a VIDA. E ao passar do tempo, o que era lágrimas se converteu em sorrisos escancarados.
"Desde que terminamos o namoro continuei indo a igreja, mas agora não mais para Jesus trazer ele de volta, e sim para que Jesus ficasse na minha vida."
É um livro lindo que não prega religião, mas Jesus e em como Ele mudou a vida de Ananza. Suas palavras tocaram-me e eu pude sentir sua tristeza nos momentos de angústia, sua felicidade nos momentos alegres e sua paz quando permitiu que Jesus entrasse e fizesse morada em seu coração. Seus poemas trazem à tona sua dor, sua alegria, e o amor do Senhor. 

É mais que uma biografia, é uma pregação, é um testemunho do que Jesus é capaz de fazer quando deixamos Ele trabalhar. Super-recomendo o livro! ^^

Classificação:
Autora: Ananza Figueiredo
Editora: Multifoco
Ano: 2014
Páginas: 108

4 comentários:

  1. Parece ser muito bom! Não sou chegada em poesia, mas sempre tem uma primeira vez ;)
    Beijos,
    http://ofantasmaliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigada pelo carinho Mirelle ❤

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Imagina, eu que agradeço pela confiança.
      <3 Um beijão.

      Excluir

Olá! Seja muito bem-vindo a este espaço, que é nosso!
Deixe seu comentário e clique em "Notifique-me" para podermos conversar; são bem-vindas críticas construtivas, mas não xingamentos. Deixe também o link de seu blog, se tiver, para que possamos lhe retribuir a visita e segui-lo.
Um abração!

© ♥ Eu Sou Um Pouco De Cada Livro Que Li ♥ - 2016. Todos os direitos reservados.
Designed by: Amanda Hauanne e Mirelle Almeida. Cabeçalho by: Edu Anjos.
Tecnologia do Blogger.