menu

Image Map

10/01/2016

A Estranha Mente de Seth

Antes de começar, gostaria de deixar uma apresentação que a própria autora fez pra vocês entenderem e mergulharem mais profundo na mente de Seth.

"Em 1914 dá-se início a um conflito de proporções inimagináveis que marcou para sempre a história da humanidade. A I Guerra Mundial.
A barbárie e a violência desse embate destruiu uma geração inteira de poetas, artistas, escritores, músicos, de inventores e atletas.
Foram mais de 19 milhões de vidas ceifadas, entre soldados e civis. Homens, mulheres e crianças que viram suas vidas e famílias destruídas pelos horrores das bombas, tiros e gases tóxicos.
Tudo isso foi resultado de uma série de fatores que colapsaram as estruturas políticas da Europa no Início do Século XX, mas teve como estopim o atentado que levou à morte do arquiduque Francisco Ferdinando, herdeiro do trono Austro-húngaro, e sua esposa em 28 de Junho de 1914 em Sarajevo.
O homem que o matou chamava-se Gavrilo Princip. Um jovem engajado em uma luta revolucionária e membro do grupo terrorista Mão Negra. Os tiros deflagrados por ele acenderam o pavio de uma bomba que estava prestes a explodir.
O que se escondia por trás da mente desse homem?
Quais segredos, paranoias ou dilemas ele viveu até aquele momento?
Neste livro apresento Seth Richards. Um jovem que em um universo fictício e em um tempo mais recente serve como um espelho do que imaginei como sendo a mente do algoz de Francisco Ferdinando. Dessa forma podemos viajar entre o brilhantismo e a psicopatia desse personagem enigmático e sombrio.
Poderemos viver junto com Seth Richards suas dúvidas entre as alucinações e a realidade, entre o conformismo e a revolução, entre o amor platônico e a violência da paixão."

SINOPSE: Seth R. é um jovem extremista, um pensador que vive entre aulas matinais na faculdade e noites de treino numa sociedade clandestina e assassina em Vojerasa. Seth tem duas obsessões que controla com frieza e paciência: manter Lauren, seu amor platônico e sôfrego, pura para sempre e matar o conde Luendres Marquez. Tudo foi planejado. Ele tem um plano perfeito. O mártir perfeito em quem se apoiar. Seth fará o impensado e causará a Primeira Grande Guerra.


Tudo começa com Antonie Latos, um anarquista que trabalhava em um grupo extremista chamado Face Negra e teve a coragem e audácia de atirar em Sufue Antine, mas este sobreviveu. Após a morte do aclamado mártir Latos, o grupo segue o legado, o qual anseia a unificação entre Kentauk e Sorveis e a dissolução do poder do Império de BirronEles anseiam pela liberdade e lutam por isso, para livrar a nação do domínio do Império, que oprime o povo em prol das riquezas de sua terra.

A história nos é contada a partir da perspectiva de Seth Richards, um jovem anarquista que se aliou à Face Negra e alimenta um ódio crescente pelos Birronenses, que fazem parte da elite opressora. É uma narrativa no presente, linear e cronológica.
À medida que vamos lendo, nos deparamos diante de uma explosão de pensamentos e ideias e ações do protagonista onde ele coloca em evidência seu descontentamento e desejo de Liberdade. É uma escrita simples, mas ao mesmo tempo profunda à medida que temos acesso aos pensamentos de Seth, o que os torna palpáveis de alguma forma.

Outra coisa interessante notar é que os trechos das músicas escolhidas para inaugurar cada capítulo condiz com seu desenrolar, seu conteúdo. 

Seth é, na verdade, um psicopata, que alimenta um amor platônico por sua colega de faculdade Lauren. Ela é seu amor imaculado, intocável, puro e ele faz de tudo para que tudo continue assim, nem que precise tomar "precauções" drásticas. Mas enquanto lemos, enquanto temos um acesso a mente dele, não conseguimos vê-lo como uma má pessoa, mas como um doente. Porque é o que ele é, na verdade.

Finalmente, ele tem a oportunidade de demonstrar sua devoção à sociedade Kentausense. E ele não erra o alvo.

A história é baseada em fatos reais, só que a autora mudou nomes e lugares, mas a intenção era traçar a trajetória e os pensamentos de Gavrilo Princip, um “herói” que marcou a história e, para isso, ela usa Seth R., que vai incorporar essa missão.

Eu sou apaixonada por História e quando a Alana me apresentou o livro fiquei fascinada e entusiasmada e não me decepcionei. Há momentos que você fica meio confuso, mas isso é normal, já que Seth é um amontoado de pensamentos e ideias que se mesclam. Mas a gente nunca fica no branco, seus atos sempre são explicados, não se preocupem.

Eu, particularmente, achei o desfecho um pouco abrupto, mas quanto ao resto, amei o livro e recomendo.

 Classificação:
Autora: Alana Gabriela
Ano: 2015
Páginas: 146

6 comentários:

  1. Nossa, deve ser muito bom o livro, adorei. Parabéns pela resenha, flor

    ResponderExcluir
  2. Oi
    que bom que gostou do livro, ando só lendo resenhas positivas dele e parece ser bem envolvente com um personagem intrigante.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Siiim, Denise. Ele é muito bom mesmo.
      Obrigada pela visita. Seja bem-vinda sempre!
      Abraço.
      ^^

      Excluir
  3. Helloo, Mirelle!
    Eu já tinha vindo aqui fazer a leitura da resenha, mas não tinha comentado aqui ainda. Eu amei a sua resenha! Muito obrigada por ter lido meu livro.
    Beijin...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii, Alana!
      Fico muito feliz que tenha gostado da resenha. Eu amei a leitura. Bjos. ^^

      Excluir

Olá! Seja muito bem-vindo a este espaço, que é nosso!
Deixe seu comentário e clique em "Notifique-me" para podermos conversar; são bem-vindas críticas construtivas, mas não xingamentos. Deixe também o link de seu blog, se tiver, para que possamos lhe retribuir a visita e segui-lo.
Um abração!

© ♥ Eu Sou Um Pouco De Cada Livro Que Li ♥ - 2016. Todos os direitos reservados.
Designed by: Amanda Hauanne e Mirelle Almeida. Cabeçalho by: Edu Anjos.
Tecnologia do Blogger.